SE HÁ GOVERNO EFICIENTE, SOMOS A FAVOR

Por Paulo Castelo Branco*

Resultado de imagem para w 3 sul

Durante anos, uma luta de sobrevivência assola a avenida W/3 Sul. O atraente comércio dos grandes shoppings, com suas lojas iluminadas e vitrines sofisticadas, com cinemas, restaurantes, centros de diversões infantis, e gente, muita gente circulando por todos os cantos, em um novo tempo de convivência social e tranquilidade: conforto, segurança e fácil acesso tornaram-se a meta do consumidor.

Resultado de imagem para w 3 sul

Na W/Sul, ao longo dos anos, quase todos os governos buscaram soluções para revitalizar a avenida, sem sucesso. Dizem sempre que o tombamento do Plano Piloto é a causa das dificuldades em revitalizar a artéria principal de uso comunitário; não é verdade!

É pela W/3 que as pessoas circulavam a procura da loja de sua preferência. Nas calçadas, os cidadãos reencontravam amigos, e em pequenos estabelecimentos desfrutavam de um bom papo regido por cerveja gelada e quitutes variados.

Resultado de imagem para w 3 sul

A deterioração dos pisos e a ocupação por atividades irregulares dos estacionamentos intermediários acabaram tornando o ambiente visualmente hostil com a presença de “vigias informais” e fornecimento de alimentação sem a devida fiscalização.  A permissão de instalação de bares e restaurantes em vias públicas favoreceu a instalação de feiras-livres.

Resultado de imagem para w 3 sul

A proliferação de anúncios, à frente das lojas com cada comerciante desejando chamar mais atenção do que o seu concorrente, causou a poluição visual na W/3 Sul e em núcleo de pichadores, que deixam suas marcas como se fossem obras de arte de grafite, sem embelezamento ou boas mensagens.

Governantes do passado, além de atraírem grandes shoppings com vantagens fiscais; de vez em quando, para fingirem interesse nas vias, prometeram soluções nunca implantadas. Até os mundialmente famosos bondinhos que circulam nos países ditos civilizados foram prometidos, e um modelo foi instalado no Setor Comercial Sul. Ficou a promessa, o escândalo e o desperdício de dinheiro público.

Resultado de imagem para w 3 sul

No governo Ibaneis Rocha, parece que solução simples está sendo implantada nas quadras 511 e 512 Sul. Com a participação da tradicional e respeitada NOVACAP, por onde passaram os pioneiros da construção da cidade, a reconstrução das calçadas e dos estacionamentos demonstra que, se não há recursos para grandes obras, aliás, pouco necessárias no Plano Piloto, é possível fazer intervenções urbanas que facilitem a vida dos brasilienses.

Resultado de imagem para w 3 sul

O pioneiro Hely Walter Couto há anos mantém a sua loja funcionando na avenida e insiste em revitalizá-la. É dele a ideia de inverter a mão de tráfego na W/2 permitindo que o consumidor, ao localizar o comércio do seu interesse, retorne e acesse com facilidade o seu destino. Hely só conseguiu inverter a mão na quadra 516, sabe-se lá a razão.

Resultado de imagem para w 3 sul

Na W/2 506 está sendo testada uma nova forma de estacionar. A via ficou mais livre e falta só fazer valer a determinação de horário específico para carga e descarga.

A nós, brasilienses, que elegemos Ibaneis Rocha com mais de 70% dos votos, cabe a missão de auxiliar o governo com propostas úteis e exigir a aplicação dos recursos públicos em soluções simples para problemas simples.   

Resultado de imagem para w 3 sul

*Paulo Castelo Branco é advogado, professor, escritor, ex-secretário de segurança pública do DF e colunista convidado especial do SOS BRASILIA.     

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *