Festa do Morango de Brasília recebe cerca de 100 mil pessoas em seis dias

Vice-governador Paco Britto visitou boa parte dos mais de 200 estandes desta 24ª edição, que chega ao fim neste domingo

LUCÍOLA BARBOSA, DA AGÊNCIA BRASÍLIA

Paco Britto fez questão de visitar os estandes e ressaltar a importância da feira | Foto: Vinícius de Melo / Agência Brasília

Cerca de 100 mil pessoas passaram pela 24ª Festa do Morango de Brasília, na sede da Associação Rural e Cultural Alexandre Gusmão, em Brazlândia (BR-180 km 27), durante os seis dias do tradicional evento. O vice-governador Paco Britto visitou o local neste último dia de atividades e atrações. A feira foi aberta em 30 de agosto e, neste domingo (8/9), terá diversas apresentações de encerramento a partir das 19 horas (leia mais e veja galeria de fotos abaixo).

São mais de 200 barracas no espaço que reuniu setores como a Morangolândia, espécie de praça gastronômica de comercialização considerada o ponto de encontro da festa, e a Feira de Floricultura e Jardinagem de Brazlândia (Florabraz). O público também aproveitou a Cozinha Show, com oficinas gastronômicas no estande do Sistema Fape/Senar-DF e Sebrae-DF. para quem se interessa por receitas e drinques deliciosos com morangos – tortelete de morango, coquetéis etc.

Outra atração muito visitada foi a 30ª Exposição Agrícola de Brazlândia, onde foram expostos produtos cultivados na região. A Emater promove ainda palestras com engenheiro agrônomo, com experiência no manejo nutricional e fitossanitário, também no estande do Sistema Fape/Senar-DF e Sebrae-DF.

Feira tem diversidade de produtos e espécies como um de seus pontos fortes | Foto: Vinícius de Melo / Agência Brasília

Paco Britto fez questão de visitar os estandes e ressaltar a importância da feira, lembrando o compromisso do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, com a população da região no que diz respeito à duplicação e alargamento da DF-001 ou Estrada Parque Contorno (EPCT), conhecida como “rodovia da morte”. Trata-se de um trecho temido por motoristas devido à alta recorrência de acidentes na estrada. O ponto mais arriscado da rodovia é justamente aquele próximo a Brazlândia.

“É uma festa muito importante para o desenvolvimento da região. São 24 anos que devem ser comemorados. E para melhor atender a população, o governador Ibaneis cumpre seu compromisso, pois já está sendo feita a duplicação da estrada”, salientou Paco.

Consumidor

Pela primeira vez na feira, a médica Samanta Rocha, 42 anos, foi acompanhada da família – filha, marido e sogros – e ressaltou a segurança do local. “Vou voltar [no próximo ano], com certeza. É bem organizado, há muita diversidade e me sinto segura aqui”, destacou, acrescentando que os banheiros são limpos e os valores dos produtos estão na “média” de qualquer feira.

Moradora de Águas Claras, ela disse que experimentou e aprovou o suco de morango e guloseimas diversas, como tortas, geleias, compotas, bombons, mousses, licores e outras servidas no espaço. Samanta também visitou e gostou do pavilhão de artesanato, que existe desde a segunda edição da festa.

Realizada pela Arcag, feira tem o apoio de órgãos e entidades como Emater e Secretaria de Agricultura | Foto: Vinícius de Melo / Agência Brasília

E lá estava a funcionária pública aposentada Nilza Maria de Araújo, 64 anos, moradora “desde sempre” de Brazlândia, vendendo seus produtos artesanais. “Sempre gostei de artesanato e, quando me aposentei, resolvi participar da feira. Muita gente vem adquirir artesanato”, garantiu, enquanto vendia uma das bonecas de pano de sua barraca.

Além de bonecas, Nilza vende tapetes de crochês e panos de prato produzidos por um grupo de quatro mulheres que arrecadam entre R$ 1.200 a R$ 1.400,00, em média, durante os seis dias de feira.

Atrações culturais

Além do roteiro gastronômico, há também apresentações culturais. Marcada para 19h, a festa de encerramento começa com a abertura do palco principal, onde haverá shows de músicos sertanejos como Thiago Henrique, às 19h30, e das duplas Roni e Ricardo e Gino e Geno, a partir das 21 horas. A entrada para os shows é gratuita.

O evento é realizado pela Associação Rural e Cultural Alexandre de Gusmão (Arcag), com o apoio da Emater/DF, da Ceasa, da Administração Regional de Brazlândia e da Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural do DF.

Na visita deste domingo acompanharam o vice-governador Paco Britto os secretários Severino Cajazeiras (Atendimento à Comunidade) e Gustavo Aires (Cidades), além do deputado distrital Iolando, do administrador regional de Brazlândia, Jesiel Costa Rosa, e do presidente da Arcag, Takao Akaoka.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *