Sindetran-DF repudia suspensão da Semana Nacional de Trânsito

Por Matheus Venzi

Na manhã desta quinta-feira (19), o Sindicato dos servidores do Detran do Distrito Federal (Sindetran-DF) divulgou uma nota manifestando indignação com a suspensão por tempo indeterminado das ações da Semana Nacional de Trânsito.

A campanha começaria nesta quarta-feira (18), mas, foi cancelada na véspera de seu início pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB). De acordo com o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), as ações foram canceladas devido aos acidentes que aconteceram recentemente na região

O Sindetran assegura que a Semana Nacional de Trânsito não é um momento de festa e sim uma oportunidade para promover a paz e responsabilidade no trânsito. “O governador demonstra sua negligência com o tema ‘Trânsito Seguro’ e explicita a falta de uma política de transito em sua gestão”, declarou o Sindicato.

De acordo com o presidente do Sindetran, Fábio Medeiros, o GDF tomou uma decisão equivocada. “A Semana Nacional de Trânsito não é uma iniciativa nossa. É uma lei e está no Código de Trânsito. A campanha é realizada em todo o Brasil”, comenta.

Além disso, o Sindicato também questionou o sucateamento do Detran, que vem acontecendo desde os governos anteriores ao de Ibaneis. “A frota de veículos e condutores praticamente triplicou e o quadro de pessoal foi reduzido pela metade, devido a aposentadorias e morte de servidores”, expôs.

Segundo Fábio Medeiros, as trocas na direção do Detran também influenciam para a queda de produtividade da autarquia. “Vivemos uma instabilidade, uma descontinuidade administrativa. Só na Diretoria de Engenharia de Trânsito, por exemplo, já tivemos três diretores diferentes. E todos são de outros Estados, não conhecem a realidade do DF”, conclui o presidente do Sindetran.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *