Morre idosa encontrada em condições insalubres no DF; suspeita é de maus-tratos

Mulher de 69 anos estava internada em hospital após ser resgatada da casa da filha. Paciente vivia em ‘estado vegetativo’, segundo polícia.

Por G1 DF

Idosa é encontrada ferida, suja e em condições insalubres em casa no DF — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Idosa é encontrada ferida, suja e em condições insalubres em casa no DF — Foto: Polícia Civil/Divulgação

idosa de 69 anos que vivia em condições insalubres e sofria maus-tratos da filha, segundo a Polícia Civil, morreu na noite desta quarta-feira (15). A vítima estava internada no Hospital Regional de Taguatinga (HRT). A paciente não resistiu a uma infecção generalizada e sofreu uma parada cardiorrespiratória.

Segundo a polícia, a idosa foi encontrada em “estado vegetativo, sem dentes, muito magra e desnutrida”, na casa onde morava com a filha, de 38 anos, na QSC 18, em Taguatinga Sul.

  • De acordo com as investigações, a filha recebia R$ 3,9 mil da aposentadoria da mãe e gastava todo o dinheiro consigo mesma. Após ser encontrada e prestar depoimento à polícia, a mulher foi detida em flagrante. Ela foi liberada após pagar fiança de R$ 2,5 mil.

Denúncia

Mulher é presa por maus tratos à própria mãe

Mulher é presa por maus tratos à própria mãe

Os investigadores chegaram ao caso após receberem uma denúncia de um médico do Núcleo de Atendimento Domiciliar (Nrad) do Hospital Regional de Taguatinga, que prestava atendimento à vítima. O profissional relatou o possível caso de maus-tratos aos policiais, que foram até a casa onde a idosa mora.

Segundo a corporação, a vítima foi encontrada em estado de saúde grave. Uma das feridas exibia o pulmão da idosa, que precisou ser encaminhada em uma ambulância ao hospital, onde passou por cirurgia.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, a residência estava em “péssimas condições de higiene”, com lixo espalhado pelo ambiente e forte odor de urina e fezes. Além disso, o quarto onde a idosa estava não possuía ventilação, e a cozinha era suja e cheia alimentos abertos.

Casa onde idosa foi encontrada no DF estava em condições insalubres — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Casa onde idosa foi encontrada no DF estava em condições insalubres — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Os policiais identificaram a filha da idosa, que era responsável por cuidar dela. Em depoimento, a mulher disse que a mãe se alimentava por sonda e utilizava fraldas oferecidas pelo governo e, por isso, não tinha despesas com ela. Ela também confirmou que usava o dinheiro da aposentadoria para si.

A filha vai responder por três crime previstos no Estatuto do Idoso:

  • Deixar de prestar assistência ao idoso em situação de iminente perigo ou dificultar sua assistência à saúde, sem justa causa – pena de 6 meses a 1 anos de reclusão e multa;
  • Expor a perigo a integridade e a saúde, física ou psíquica do idoso, submetendo-o a condições desumanas ou degradantes – pena de 2 meses a 1 ano de reclusão e multa;
  • Apropriar-se de ou desviar bens, proventos, pensão ou qualquer outro rendimento do idoso – pena de 1 a 4 anos e multa.

Fonte: G1/DF

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *